Início / DENÚNCIA / ÔNIBUS ABANDONADO NO CENTRO DE ALGODÕES ESTÁ JUNTANDO MATO E BICHO MORTO, DENUNCIA COMUNIDADE

ÔNIBUS ABANDONADO NO CENTRO DE ALGODÕES ESTÁ JUNTANDO MATO E BICHO MORTO, DENUNCIA COMUNIDADE

O distrito de Algodões, município de Sertânia, coleciona denúncias da comunidade, mas parece não reverbera até o poder executivo municipal, mesmo ali tendo um vereador que reside naquela comunidade e poderia levar essas demandas ao executivo.

Neste sábado recebemos denúncia de que existe um ônibus estacionado há meses em uma rua no centro de Algodões, juntando mato e sendo usado para se jogar vísceras de animais que são mortos por caçadores,inclusive, gambás.

“Já denunciei ao vereador que mora aqui, já denunciamos a vigilância sanitária, mas nada fazem, isso é caso de saúde pública e ninguém toma providência. O dono desse ônibus mora em Cruzeiro do Nordeste, desde que deixou de levar estudantes para o município de Sertânia, portanto, trabalha para a municipalidade. Deixaram esse ônibus parado aí e não há providência”, disse uma das moradores que reside nas proximidades onde se encontra o referido veiculo.

As imagens enviadas pelos moradores mostram a calçada próximo ao ônibus, no seu entorno e embaixo dele, muito mato. Veja o que a vigilância sanitária em resposta a comunidade:

“Primeiro queremos saber se o ônibus é sucata, ferro velho, ou está estacionado por não estar trabalhando? Caso seja sucata podemos sim mandar recolher caso esteja em local público. Em relação ao mau cheiro devido às vísceras jogadas não temos muito o que fazer, a não ser que se tenha um vídeo identificando os autores e se estão jogando dentro de algum local particular. Com provas podemos levar o caso até a promotoria”   

Representante da Vigilância Sanitária de Sertânia

 

Já o vereador que ali reside, que poderia muito bem mediar isso, simplesmente, segundo os denunciantes,ignorou o apelo, e o fato é que, o famigerado veículo continua causando transtornos a todos que residem em frente e no seu entorno.

Vamos ver se há alguma providência com relação a esse fato. Na maioria dos casos, a prefeitura municipal é a responsável.

A legislação diz que o primeiro passo com relação a esse tipo de problema o cidadão prejudicado deve entrar em contato com a prefeitura da sua cidade e a partir daí o órgão público irá então fixar uma notificação no veículo, para que o proprietário esteja ciente e tome as atitudes necessárias no prazo de até cinco dias.

Após esse período, se ninguém se manifestar, o veículo já é considerado como abandonado, e será encaminhado ao pátio do órgão competente, ou  seja, o DETRAN.

Após esse processo, é realizada uma pesquisa para verificar se o automóvel possui relação com algum crime. Isso é o procedimento nas mais diversas cidades do Brasil, vamos ver se a prefeitura de Sertânia também pode, de acordo com o que diz a lei, proceder da mesma forma.

O que não pode é um veículo ficar mês após mês ficar “estacionado” na rua, até, de certa forma atrapalhando o trânsito a mobilidade urbana e ainda mais, segundo denúncia, acumulando lixo e vísceras de animais mortos.

Com a palavra a Prefeitura de Sertânia!! Aguardamos reposta.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *