A oposição de Sertânia emitiu nota de repúdio, nesta quinta-feira, dia 26, sobre mais um resultado pífio obtido pelo prefeito Ângelo Ferreira publicado pelo Tribunal de Contas de Pernambuco. A publicação foi referente ao índice de Convergência e Consistência dos Municípios de Pernambuco (ICCPE) e mostra Sertânia com um resultado ridículo de  “INSUFICIENTE”.

Importante destacar que o levantamento do ICCPE se traduz como um importante instrumento de auditoria contábil utilizado pelo Tribunal de Contas do Estado de Pernambuco, posto que para uma análise mais consistente, imparcial e comparável das contas e do desempenho governamental é necessário o alinhamento dos padrões e normas contábeis para sua elaboração.

Os critérios de avaliação foram organizados em dois grupos: Convergência e Consistência, compostos pelos seguintes subgrupos:

Em convergência foram observadas:

1.1. Estrutura e forma de apresentação do Balanço Orçamentário
1.2. Estrutura e forma de apresentação do Balanço Financeiro
1.3. Estrutura e forma de apresentação do Balanço Patrimonial
1.4. Estrutura e forma de apresentação da Demonstração das Variações Patrimoniais
1.5. Estrutura e forma de apresentação da Demonstração do Fluxo de Caixa
1.6. Estrutura e forma de apresentação da Demonstração das Mutações do Patrimônio Líquido
1.7. Estrutura e forma de apresentação das Notas Explicativas e Aspectos Gerais
1.8. Estrutura e forma de apresentação de Outros Demonstrativos Contábeis

Já em Consistência foram observados:

2.1 Consistência entre as informações prestadas na PC eletrônica x SICONFI
2.2 Consistências dos Saldos dos Balanços
2.3 Consistência entre as informações prestadas na PC eletrônica anterior x informações prestadas na PC eletrônica atual

Em resumo leitor, tudo isso significa que a prefeitura de Sertânia, está fazendo a contabilidade de qualquer jeito sem observar as regras da área e aquelas estabelecidas pelo TCE.

E em todos esses dados apresentados segundo o TCE, a prefeitura de Sertânia, sob a gestão do mestre em gestão pública, Ângelo Ferreira, apresenta-se  INSUFICENTE. Vergonha isso, para quem dava aulas de gestão. Veja melhor os dados clicando aqui 

Com mais este revés, a prefeitura de Sertânia, na atual gestão, novamente aparece mal no Estado, primeiro foi a nota do IDEB, perdeu para o governo Governo Guga Lins, depois do ranking do TCE, perdeu novamente para a gestão Guga e agora perdeu novamente neste mesmo ranking para o prefeito que ele tanto criticava, 3 a 0. “Com este placar Guga Lins já pode pedir música no fantástico”, disse um sertaniense, soltando uma sonora gargalhada.

Então diante de todos esses resultados pífios da atual gestão, a oposição emitiu a seguinte nota:

NOTA DAS OPOSIÇÕES DE SERTÂNIA

MAIS UMA VEZ O PREFEITO DE SERTÂNIA E SUA ADMINISTRAÇÃO SÃO REPROVADOS. AGORA, NOVAMENTE PELO T.C.E.

O T.C.E  TROUXE EM SUA PAGINA QUE A GESTÃO DE ÂNGELO FERREIRA ESTÁ ENTRE AS PIORES DO ESTADO NA QUESTÃO CONTÁBIL,  APRESENTANDO DADOS INSUFICIENTE PARA O BOM ANDAMENTO DA ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA.

TUDO ISSO DEPOIS QUE O PRÓPRIO T.C.E E A SUDENE REPROVARAM A GESTÃO ÂNGELO FERREIRA. E O QUE DIZER DA NOTA PÍFIA E HORROROSA DADA PELO PORTAL LIBERDADE.COM REVELANDO ASSIM A VERDADEIRA CARA DA EDUCAÇÃO DE SERTÂNIA, COLOCANDO NOSSA CIDADE ENTRE AS PIORES DO ESTADO DE PERNAMBUCO.  

QUE VERGONHA SERTÂNIA, QUE VERGONHA ÂNGELO FERREIRA. SERTÂNIA MERECE MAIS , SERTÂNIA NÃO PODE SE CONTENTAR COM MEDIOCRIDADE.

CHEGA DE VEXAMES!!! EM 2020 A ESPERANÇA VIRÁ COM O NOVO.

A VEZ AGORA SERÁ DO POVO.

OPOSIÇÃO DE SERTÂNIA

COMPARTILHAR
Artigo anteriorNATAL SOLIDÁRIO: UPAE GARANHUNS FAZ DOAÇÃO DE QUASE DUAS TONELADAS DE ALIMENTOS
Próximo artigoEM SERTÂNIA RAPAZ É ATINGIDO COM TIROS NA PRAÇA DE EVENTOS AGORA A NOITE
Esequias Cardoso
Esequias Cardoso foi policial civil durante 10 anos, é jornalista de acordo com o registro profissional nº 7052/PE, é professor concursado da rede oficial de ensino do Estado de Pernambuco, graduado e pós graduado em História, pela Autarquia de Ensino Superior de Arcoverde - AESA e Universidade de Pernambuco - UPE respectivamente. Também é pós graduação em Gestão e Coordenação em Educação pela Universidade de Pernambuco - UPE. Atualmente faz Mestrado em Sociologia pela Universidade Federal de Campina Grande- Campus Sumé-Paraíba PARA ENTRAR EM CONTATO CONOSCO LIGUE (87) 9.9648.1349 ou 9.9139.9084 (whats app)

DEIXE UMA RESPOSTA

Faça um comentário!
Coloque seu nome aqui